Informação do Presidente de Câmara à População

Caras e caros munícipes, Face a recentes noticias que circulam pelo nosso concelho alertando para o encerramento do Serviço de Atendimento Permanente (SAP), quero informar o seguinte:

  1. Eu próprio e todos os vereadores desta autarquia temos redobrada preocupação com tudo aquilo que possa prejudicar a população do nosso concelho, em particular com os cuidados de saúde a que todos temos direito. Neste sentido, se alguma vez estiver em causa o encerramento do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) diligenciaremos em conformidade. Até à presente data o encerramento deste serviço nunca foi equacionado. Lembro que esta autarquia tudo fez para que fosse possível a vinda de dois jovens médicos para o nosso Centro de Saúde, tendo para isso realizado várias diligencias junto da Administração Regional de Saúde do Centro (ARS – Centro) e da Administração da Unidade Local de Saúde da Guarda (ULS).
  2. Foi recentemente criada na Mêda uma Unidade de Saúde Familiar (USF) que se pretende possa melhorar a qualidade e eficiência dos serviços prestados, através de “consultas programadas, atendimento de situações de doença aguda em todo o horário de funcionamento, cuidados de enfermagem e cuidados domiciliários, dando resposta a todas as solicitações, sejam de índole médica ou de enfermagem, no próprio dia e durante o horário de funcionamento”.
  3. No passado dia 6 do corrente mês reunimos, a nosso pedido, nas instalações da Câmara Municipal da Mêda com o Conselho de Administração da Unidade Local de Saúde da Guarda (ULS). Nesta reunião, para a qual foram por mim convidados a estar presentes todos os vereadores desta autarquia, foi reconhecido por todos os bons cuidados de saúde e qualidade de trabalho prestado pelos profissionais que ali trabalham (médicos, enfermeiros, assistentes técnicos e assistentes operacionais), sendo mesmo reforçado pelos representantes da ULS que o atendimento no Centro de Saúde está e estará sempre assegurado aos fins de semana.
  4. Salientámos a importância do Centro de Saúde para a prestação de cuidados de saúde a toda a população, em particular aos mais idosos e de parcos recursos. Reforçámos o nosso total empenhamento para a manutenção do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) porque, enquanto serviço de urgência, é absolutamente fundamental para todas as pessoas que residem ou possam estar no nosso concelho.
  5. Muito em breve terei uma reunião no Ministério da Saúde para, pessoalmente, informar a tutela da importância que todos reconhecemos ao nosso Centro de Saúde, em particular ao Serviço de Atendimento Permanente (SAP), e informar também que nunca aceitaremos qualquer perda de serviços que ponham em causa a prestação dos cuidados de saúde a que todos temos direito.
  • Consulte o Aviso:

Aviso